O ESCRITÓRIO ATUA DE MODO A VIABILIZAR A RECUPERAÇÃO DE CRÉDITOS através de medidas judiciais e extrajudiciais (demandas que envolvem a atividade empresarial na seara cível e comercial), tais como:

– Propositura de ação de execução;

– Ação de cobrança e ação monitória;

– Busca e apreensão;

– Depósito;

– Reintegração de posse;

– Requerimento de falência;

– Habilitação de créditos;

– Recuperação de crédito de forma não contenciosa, através da cobrança amigável (cobrança amigável).